Nissan GT-R à venda em Portugal

gtr_exterior_web_openApós muitos anos de espera, a Nissan, finalmente, trouxe para Portugal o Nissan GT-R. Já está em comercialização por 118.600 euros, um valor que pode ser brutal nos tempos que correm, mas perfeitamente justificável perante a palete de tecnologia e diversão colocados à disposição daqueles que tenham bolsos fundos o suficiente para comprar um GT-R.

Infelizmente, os nossos seguidores e leitores não vão ter a possibilidade de conhecer pelas nossas mãos o Nissan GT-R pois a política da marca em Portugal, devido às dificuldades económicas, não permite que o CAR BLOG como imprensa “online” tenha acesso aos modelos da marca. Naturalmente respeitamos essa decisão e desde já pedimos desculpa por esta situação, alheia à nossa vontade, a todos os muitos seguidores e leitores do nosso espaço.

Apesar disso e sempre com o intuito primeiro de informar bem sem olhar a quem, aqui ficam pormenores de um dos desportivos do momento e com uma enorme vénia a todos os meios de comunicação social que já ensaiaram o Nissan GT-R, reproduziremos algumas das suas sensações experimentadas ao volante desta verdadeira máquina que pelas mãos de Toshio Suzuki bateu o Porsche 911 Turbo no Nurburgring.

O estilo até poderá não ser o mais belo de todos, mas as suas linhas brutais seduzem de uma forma irresistível. Não lhe tocámos, mas já estivemos próximos de um GT-R e acreditem que é uma máquina feroz mas verdadeiramente sedutora.

Lá dentro, ao contrário daquilo que seria de esperar, há espaço para quatro pessoas. Não é muito e quem for sentado atrás sentirá uma sensação de claustrofobia aguda pois fica fechado pela forma da carroçaria e dos bancos da frente. Por sinal, verdadeiras cadeiras de competição mas forradas a pele. O posto de pilotagem, perdão, condução não é dos mais sedutores, pois há muitos botões, alavancas, mais as patilhas da caixa e um estilo muito directo bem à japonesa. A verdade é que parece que tudo é bem eficaz, até mesmo a miríade de botões para regular não menor número de funções.

O motor é um V6 biturbo com3.8 litros e 485 CV a que se junta um binário de 588 Nm. Cifras arrasadoras que colocam em sentido um Porsche 911 Turbo. Apesar da mesma restrição colocada pela Nissan por parte da Porsche, o 91 Turbo é um velho conhecido pois estivemos na sua apresentação e tivemos o privilégio de o ensaiar durante largos quilómetros. E para este texto, recorremos a um conhecido para lhe pedir emprestado o Turbo parado na garagem para recordar velhas sensações.

A frente leve, a traseira bem carregada e sempre a tentar fugir ao nosso controlo apesar das 4 rodas motrizes, fazem parte do feitio que nos amamos no 911 Turbo. Ora diz quem andou no Nissan GT-R que este é um carro que é mais rápido, curva mais depressa e com uma capacidade de tracção única. Dizem que é melhor que o Porsche… A travagem, assegurada pela Brembo, é potente e resistente à fadiga permitindo algumas loucuras em traçados mais sinuosos. Enfim, este é um carro que é puramente sensorial, repleto de tecnologia que nos ajuda na condução e que não se torna demasiado selvagem quando desligamos a panóplia de sistemas. É uma verdadeira máquina que não precisa de dotes de pilotagem para andar depressa e dar prazer a quem conduz. Mas confere iguais sensações a quem tenha essa habilidade, apenas se mostrando menos agradável numa utilização mais citadina.

Como lhe dissemos no início, nada disto podemos confirmar in loco pois não temos acesso ao Nissan GT-R. Mas podemos garantir-lhe uma coisa: por 119 mil euros, este é um desportivo que merece muito a pena ser comprado. Haja dinheiro…

Vejas as fotos oficiais do Nissan GT-R na nossa galeria (pedindo desculpa por o volante estar no lado direito) e as características técnicas desta jóia da mecânica e do savoir faire japonês em matéria de desportivos.

Características técnicas

Motor V6; 24V; 3799 c.c.; duplo turbo

Potência (CV/rpm) 485/6400

Binário (Nm/rpm) 588/3200-5200

Transmissão Integral, caixa semi-automática dupla embraiagem de 6 vel.

Suspensão (fr./tr.) Independente, triângulos sobrepostos/Multibraços

Travões (fr./tr.) Discos vent. e perfurados Brembo

Comp./Larg./Alt. (mm) 4655/1895/1370

Dist. entre eixos (mm) 2780

Capacidade da mala (lt) 249

Peso (kg) 1740

Velocidade Máxima (km/h) 314

Acel. 0-100 km/h (s) 3,5

Consumo médio (l/100 km) 12,2

Emissões CO2 (gr/km) 298 (Categoria E)

Preço 118.600 Euros

Uma resposta

  1. É uma pena que as marcas em Portugal continuem a ser assim. Não é o primeiro meio “online” que é prejudicado na sua liberdade de informar. Mas confiança que nós, jornalistas e seguidores do Car Blog continuaremos aqui.
    Um abraço

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: