Porsche 911 Turbo: mais potente e mais económico

Porsche 911 TurboO filão 911 não tem fim e no Salão de Frankfurt a Porsche irá apresentar mais um 911 Turbo, agora renovado em termos mecânicos com mais potência e menor consumo.

A casa de Zuffenhausen decidiu introduzir melhorias no bloco de seis cilindros sobrealimentado e assim construiu a sétima geração deste motor, a primeira totalmente nova que o 911 Turbo recebe em 35 anos de história.

O novo “boxer” tem 3,8 litros e recebe o exclusivo sistema de injecção directa e turbos de geometria variável da Porsche, debitando nada menos que 500 CV. A caixa será uma unidade de seis velocidades, mas estará disponível a caixa PDK semi-automática de dupla embraiagem e pela primeira vez a marca alemã oferece – embora como opcional – um volante com patilhas ao invés do volante com botões para fazer as passagens de caixa. No caso da Porsche, as patilhas estarão solidárias com o volante, servindo a direita para subir, a da esquerda para reduzir. Juntamente com tudo isto vem o Sport Chrono Package Turbo que possui “Launch Control” e dois modos desportivos (Sport e SPort Plus), controlados através do volante.

A combinação da caixa PDK, da injecção directa e dos turbos de geometria variável permite que a Porsche tenha reduzido de forma significativa os consumos e a emissão de gases poluentes. Assim, um 911 Turbo gasta agora, em média, 11,7 litros e reduziu o CO2 em 18 por cento. E mais importante ainda, o 911 Turbo fica abaixo dos valores da taxa imposta pelo Estado Americano para os carros demasiado gastadores, pelo que nos EUA o 911 Turbo não será penalizado fiscalmente. Quanto ao desempenho, o novo Turbo acelera dos 0-100 km/h em 3,4 segundos e alcança os 312 km/h.

Na segurança, a Porsche não hesitou e voltou a confiar no PSM (Porsche Stability Program) agora ajudado pelo PTV (Porsche Torque Vectoring), o que transforma o 911 Turbo num carro ágil e fácil de conduzir.

Os Porsche 911 Turbo e 911 Turbo Cabriolet vão começar a ser vendidos em Novembro, devendo chegar a Portugal ainda antes do final do ano. Na Alemanha custam, respectivamente, 145.871 e 157.057 euros o que significa preços a rondar os 200 mil euros em Portugal.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: